http://www.assccondobrasil.com

Menu Principal

sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

TERRACAP - CONCURSO SUSPENSO



Começaria nesta sexta-feira (13/1) as inscrições para o concurso da Companhia Imobiliária de Brasília (TERRACAP)

Começaria nesta sexta-feira (13/1) as inscrições para o concurso da Companhia Imobiliária de Brasília (TERRACAP). Porém, o certame está suspenso temporariamente em decorrência da decisão liminar do Tribunal de Contas do Distrito Federal (TCDF), que exigiu da empresa alguns esclarecimentos.  Com isso, as inscrições foram também suspensas.

Em nota, a Terracap informa que já enviou todos os esclarecimentos necessários ao TCDF. A empresa aguarda o posicionamento do tribunal para tomar as providências cabíveis e dar continuidade ao concurso para provimento de cargos de nível médio e superior.

Confira o comunicado oficial, no 
site da organizadora Quadrix:

Concurso da Terracap foi suspenso

Confira na íntegra: http://www.quadrix.org.br/todos-os-concursos/proximos-concursos/terracap-agencia-de-desenvolvimento-do-distrito-federal/publicacoes/comunicado.aspx


CÂMARA LEGISLATIVA DO DF TERÁ EDITAL NESTE SEMESTRE


O concurso da Câmara Legislativa do DF é um dos mais aguardados da região. Sendo um certame com remuneração acima da média, e um dos mais requisitados da carreira no serviço público. Segundo o presidente da Casa, deputado Joe Valle (PDT), em entrevista ao Correio, as novas contratações são necessárias por “ter muita gente se aposentando, e há mais de 10 anos, a Câmara não admite concurso”. O edital está previsto ainda no primeiro semestre deste ano, de acordo com Valle.

PREPARE-SE PARA ESTE CONCURSO - TURMAS CONFIRMADAS!
ASSCCON DO BRASIL CURSOS PARA CONCURSOS 
Quadra 6 CL 18 Sala 1, Sobradinho/DF
(61) 4101-8475 ou +55 61 98256-2495

A expectativa, contudo, é que esse número possa aumentar. De acordo com último balanço de pessoal da Casa, outubro de 2016, existem 395 cargos efetivos vagos (outros 661 estão ocupados) – a Câmara ainda conta com 1.150 cargos em comissão, sendo que 853 são ocupados por servidor sem vínculo efetivo com a Administração Pública.






COMO SE PREPARAR


De uma forma geral, o tempo de preparação pra um concurso é extremamente relativo, pois diversos aspectos precisam ser considerados. É preciso um conhecimento prévio do candidato, tempo semanal de estudo, experiência com provas de concurso, familiaridade com a banca examinadora, motivação, disponibilidade, habilidades de leitura e escrita, capacidade de concentração nos estudos, técnicas e métodos que se harmonizem com o funcionamento do cérebro, o que varia de pessoa para pessoa. 

PREPARE-SE PARA ESTE CONCURSO - TURMAS CONFIRMADAS!
ASSCCON DO BRASIL CURSOS PARA CONCURSOS 
Quadra 6 CL 18 Sala 1, Sobradinho/DF
(61) 4101-8475 ou +55 61 98256-2495


ÚLTIMO CONCURSO

O último concurso para a Câmara Legislativa teve como banca organizadora o Centro de Seleção de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (Cespe/UnB), e foi em 2005. Na época, foram 120 vagas para técnicos e analistas, sendo R$5,5 para técnicos, e R$ 8 mil para analistas. Foram registrados 75,741 inscritos, o que resultava numa concorrência de 631 pessoas por vaga. O concurso tinha prova objetiva e discursiva para todos os cargos, além de avaliação de títulos, prova prática e teste de aptidão física, para alguns cargos.

Venha montar seu projeto de estudo para Câmara Legislativa do DF
ASSCCON DO BRASIL CURSOS PARA CONCURSOS 
Quadra 6 CL 18 Sala 1, Sobradinho/DF
(61) 4101-8475 ou +55 61 98256-2495

Via Correio Web 

quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

Concursos públicos mais cobiçados em 2017

A seguir confira quais os concursos com mais chance de sair que devem estar entre os mais cobiçados e disputados neste ano.

Tendo em vista a necessidade da administração por servidores, alguns esperados concursos públicos devem, sim, acontecer neste ano.
Receita Federal
É um edital que pode sair no primeiro semestre tanto segundo a previsão. O último concurso para auditor e analista já tem quatro anos.

Agência Brasileira de Inteligência (ABIN)

Em maio ano passado, a Abin solicitou ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) autorização para fazer concurso para 650 vagas. 
O último concurso para oficial técnico de inteligência e para agente técnico de inteligência foi em 2010 e tinha 80 vagas: 50 para oficial e 30 para agente. Segundo a Abin, mais de 49,2 mil candidatos participaram do processo.

Tribunal Regional do Trabalho (TRT)

Diversos tribunais regionais do trabalho deverão abrir vagas imediatas de analista e técnico. Podem ocorrer já neste ano concursos nos tribunais dos estados de: Tocantins, Ceará, Mato Grosso do Sul, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte e Santa Catarina.

Auditor-fiscal do trabalho

A defasagem de auditores- fiscais do trabalho é grande no Ministério do Trabalho e da Previdência Social (MTPS). São mais 1,1 mil postos vagos e, por isso, a expectativa é que um novo concurso seja autorizado neste ano.

Câmara dos Deputados

É o concurso que tem mais chance de sair logo segundo os dois especialistas consultados. Mariana, da VP Concursos diz que há a possibilidade até de o edital sair neste mês. A previsão é de 400 vagas para ensino técnico e superior. 
Câmara Legislativa do Distrito Federal
O edital para o concurso deve sair fevereiro e maio de 2017 e com oportunidades para todos os cargos, segundo afirmou o presidente da Casa Joe Valle (PDT), no fim do ano passado. De acordo com ele, serão mais de 100 vagas.
Tribunal Regional Federal
Podem ocorrer concursos para técnicos e analistas nos tribunais da 1ª Região (Distrito Federal e os estados do Acre, Amapá, Amazonas, Bahia, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Minas Gerais, Pará, Piauí, Rondônia, Roraima e Tocantins), da 2º Região (Rio de Janeiro e Espírito Santo), da 3ª Região (São Paulo e Mato Grosso do Sul) e da 4º Região (Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul).

Delegado da PF

A Polícia Federal tem trabalhado com um efetivo de delegados 30% menor, com quase 500 vagas ociosas. O pedido de concurso da PF é para 558 vagas e, além e delegado, também inclui oportunidades para perito. Vale destacar que no fim do ano passado os salários foram reajustados por lei e subiram para 22.102,37 reais.

Juiz do Trabalho Nacional

Em 2017, deve ocorrer o primeiro concurso para juiz do trabalho nacionalizado e não mais pelo Tribunal Regional do Trabalho. A resolução administrativa foi publicada em maio do ano passado pelo Tribunal Superior do Trabalho (TST).

Tribunal de Contas do Distrito Federal (TCDF)

O concurso deve selecionar auditores de controle externo, função de nível superior sem exigência de área de formação específica. O salário inicial para a função é de mais de 15 mil reais. O último concurso, com edital lançado em 2013, teve 19 vagas e 155 candidatos disputando cada uma delas.

Senado Federal

Com expectativa de concurso para o segundo semestre. A necessidade de novos profissionais é grande: são 1.118 cargos vagos. Além disso, estão definidos os requisitos para os servidores que integrarão a comissão organizadora, fato que indica que o órgão está preparando o processo seletivo.
Fonte: Exame
Prepare-se para estes concursos!
(61) 4101-8475

domingo, 1 de janeiro de 2017

Terracap - DF divulga Concurso Público para nível médio e superior com salário de até R$ 11 mil


Terracap - DF divulga Concurso Público para nível médio e superior com salário de até R$ 11 mil


A Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal - TERRACAP anuncia a realização de novo Concurso Público para contratar imediatamente 33 profissionais e preencher 390 vagas em formação de cadastro reserva.

São disponibilizadas oportunidades para profissionais de nível médio e superior, especificamente nas funções de Técnico Administrativo (2), Técnico em Fiscalização (4), Topógrafo (1), Administrador (1), Analista de Sistemas (1), Arquiteto (4), Contador (1), Economista (1), Engenheiro Agrimensor/ Cartógrafo (5), Engenheiro Agrônomo (1), Engenheiro Ambiental (1), Engenheiro Civil (4), Engenheiro Eletricista (2), Engenheiro Florestal (1), Psicólogo (1), Técnico em Comunicação Social - Publicitário (1), Técnico Especialista - Estatístico (1), Técnico Especialista - Geoprocessamento (1).
Com atuação em jornadas de 40h semanais, os profissionais vão receber salários que variam de R$ 7.951,13 a R$ 11.717,56.
Para se inscrever o candidato deve acessar o site da empresa organizadora Instituto Quadrix (www.quadrix.org.br), entre às 10h do dia 13 de janeiro de 2017 até às 23h59 do dia 28 de fevereiro de 2017, e preencher a ficha disponível. Não se esqueça que é necessário efetuar o pagamento da taxa de participação, cujo valores variam de R$ 37,00 a R$ 44,00.
Os candidatos doadores de sangue a instituições públicas de saúde; beneficiários de programa social de complementação ou suplementação de renda instituído pelo Governo do Distrito Federal podem solicitar a isenção da taxa de inscrição, entre os dias 30 de dezembro de 2016 a 05 de janeiro de 2017.
Quanto à classificação serão realizadas Provas Objetivas, e Discursiva, entre os dias 26 de março de 2017 e 2 de abril de 2017. A prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, será composta de 50 questões, de múltipla escolha. Vale ressaltar que os inscritos para os cargos de Técnico em Fiscalização e Topógrafo devem realizar também o Teste de Aptidão Física.
Este Concurso tem validade de dois anos, contados a partir da data de publicação da homologação do resultado final do concurso no Diário Oficial do Distrito Federal, podendo ser prorrogado, uma única vez, por igual período.

Fonte: PCI Concursos

PREPARE-SE PARA ESTE CURSO!

Turmas confirmadas para 02/01/2017 (matutino e noturno)

Informações:
(61) 4101-8475
ou
whatsapp +55 61 98256-2495

SAIU EDITAL HEMOCENTRO DF COM 80 VAGAS PARA NÍVEL MÉDIO!




Saiu o edital do Concurso Hemocentro-DF 2016. A seleção tem, ao todo, oferta de 400 vagas e, desse total, 79 são para preenchimento imediato e 321 para formação de cadastro de reserva. A oportunidade é para profissionais de níveis médio, com salário inicial de R$3.705 e nível superior, com vencimento inicial de R$5.820.

Os aprovados aos cargos de ensino médio serão contratados como técnicos, com jornada de 30 horas semanais. Das vagas, 10 são para agente administrativo, que exige apenas o ensino médio completo nas áreas. As demais exigem ensino médio/técnico e estão distribuídas pelas seguintes áreas: Hemoterapia e Hematologia (12), Informática (4), Contabilidade (2), Radiologia (4) e Saúde Bucal (1).


A Fundação Hemocentro de Brasília lançou edital de novo processo seletivo. São 79 oportunidades imediatas, além de formação de cadastro reserva com 321 vagas, nos cargos de analista e técnico de atividades. Os salários são de R$ 5.820 e R$ 3.705, respectivamente. 


As inscrições devem ser efetuadas entre 11 de dezembro e 6 de fevereiro, pelo site do Instituto Americano de Desenvolvimento (Iades), mediante pagamento da taxa que varia de R$ 46,50 a R$ 58.


No cargo de analista de atividades – de nível superior – há chances nas especialidades de administração, arquivologia, assistência social, biologia, biomedicina, contabilidade, direito e legislação, economia, enfermagem, estatística, farmácia, fisioterapia, jornalismo, odontologia, psicologia, relações públicas e tecnologia da informação.


Já as oportunidades de nível médio são para técnico de hemoterapia e hematologia, técnico de informática, técnico em contabilidade, técnico em radiologia e técnico em saúde bucal.

Haverá aplicação de provas objetivas e discursivas para todos os cargos, além de avaliação de títulos para quem se candidatar ao cargo de nível superior. A primeira etapa será realizada em 5 e 19 de março de 2017, para analista e técnico, respectivamente.


A validade do concurso será de dois anos, prorrogável por igual período.



PREPARE-SE PARA ESTE CONCURSOS!

Turmas confirmadas
Matutino e noturno

Informações
(61) 4101-8475
+55 61 98256-2495


Câmara dos Deputados deve lançar concurso em 2017


Wilson Dias/ Arquivo – Agência Brasil
Consta em um dos adendos do Projeto de Lei Orçamentária Federal de 2017 a realização do concurso para a Câmara dos Deputados. Pelo documento, o certame terá oportunidades para os cargos de técnico e analista legislativos.
A proposta ainda inclui a previsão de inscritos e o valor da taxa de inscrição. Para técnico será cobrado R$ 110 com uma expectativa de 45.000 inscritos, enquanto o valor para o analista corresponderá a R$ 150, tendo a previsão de 25.200 candidatos.
O Orçamento 2017 está em análise no Congresso Nacional, que deverá aprová-lo até dezembro ou, no mais tardar, no início do ano que vem. Após a votação no Congresso, o presidente da República sancionará o documento e, se nada for alterado, o concurso da Câmara dos Deputados poderá sair do papel.
Sobre os cargos da Câmara dos Deputados
A profissão de técnico legislativo necessitará de ensino médio completo em instituição de ensino reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC). O salário inicial é de R$ 13.578,58.
Candidatos com formação superior em diversos cursos estarão aptos para o emprego de analista legislativo, cujo vencimento atual equivale a R$ 20.384,43.
Vale ressaltar que ambas as carreiras são distribuídas em várias funções dentro do órgão.
Defasagem de pessoal na Câmara dos Deputados
Recente levantamento apontou que a Câmara dos Deputados possui, atualmente, 434 postos vagos que podem ser preenchidos por meio de novos concursos. Do total destas vagas, 272 são para o cargo de técnico legislativo e 162 para analista legislativo.
Pelo balanço nota-se que a falta de servidores está cada vez maior e que, em breve, a Câmara dos Deputados deve tomar atitudes para iniciar novo processo seletivo. Acontece que em setembro do ano passado o órgão tinha um déficit de 318 profissionais; ou seja, em questão de dez meses mais 116 postos se tornaram vagos.
Para técnico, as chances em aberto são das áreas de agente de polícia legislativa; agente de serviços legislativos – serviços paramédicos; e assistente administrativo.
No caso do analista, há falta de funcionários nas especialidades de analista de informática legislativa; assistente social; assistente técnico; consultoria; contador; enfermeiro; engenheiro; médico; taquígrafo legislativo; técnica legislativa; técnico em comunicação social – divulgação institucional; técnico em comunicação social – imprensa escrita; técnico em comunicação social – relações públicas; técnico em comunicação social – rádio; técnico em comunicação social – televisão; técnico em documentação e informação legislativa; e técnico em material e patrimônio.
Fonte: Jornal de Brasília

BANCO CENTRAL: CRESCE EXPECTATIVA PARA CONCURSO COM 990 VAGAS




Um dos concursos públicos mais aguardados e que dependem de autorização do MPOG (Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão) é o do Banco Central do Brasil, conhecido também como Bacen, BC ou BCB. Desde o ano passado, o órgão pleiteia a realização do certame devido a alta defasagem de pessoal e por não ter nenhuma seleção em andamento.

Os sindicatos da categorias também pressionam a abertura do processo seletivo, já que, no momento, existem mais de 2.000 postos vagos, sem contar com as futuras aposentadorias. Atualmente, 36% do quadro de pessoal do Bacen não está preenchido, ou seja, há um déficit de 2.356 servidores, sendo 1.944 analistas, 289 técnicos e 123 procuradores.

O Sindicato Nacional dos Funcionários do Banco Central (Sinal) já demonstrou preocupação com relação ao assunto. O diretor de Assuntos Jurídicos do Sinal, Jordan Alisson, alertou que, junto com a defasagem atual, “soma-se a perspectiva de maior deterioração do efetivo, em virtude das novas aposentadorias previstas”.

Anteriormente, o presidente do sindicato, Dario Piffer, chegou a comentar que o BC não consegue atender a toda demanda e que “essa situação traz problemas de toda a ordem, sendo uma das áreas mais prejudicadas a da fiscalização; por conta disso, o Banco Central prioriza somente as demandas consideradas mais importantes”.

PEDIDO DO CONCURSO BACEN

Neste ano, o Banco Central encaminhou ao Ministério do Planejamento Orçamento e Gestão pedido para a abertura de concurso para o preenchimento de 990 vagas de níveis médio e superior com salários de até R$ 17.788,33.

Os cargos contemplados na solicitação foram os de técnico, analista e procurador. A distribuição das ofertas será de 150 vagas de nível médio para a função de técnico, com remuneração inicial de R$6.463,44.

E ainda 840 chances para quem possui ensino superior, sendo 800 para analista, com ganho de R$ 16.286,90; e 40 para procurador com salário de R$ 17.788,33. Nos valores mencionados já está incluído o auxílio-alimentação de R$ 458.

Quer se preparar bem para concursos? Acesse INFORMAÇÕES

A assessoria informou que o quantitativo de postos requerido pelo Bacen, se autorizado, será para admissão escalonada – sendo 495 vagas em 2017 e 495 em 2018.

ÚLTIMO CONCURSO PARA TÉCNICO E ANALISTA DO BACEN

Em 2013, o Banco Central promoveu concurso com 500 vagas destinadas aos cargos de técnico e analista. Na ocasião, a banca organizadora foi o Cespe/UnB e a remuneração inicial oscilou entre R$ 5.158,23 e R$ 14.289,24.

A carreira de técnico apresentou 100 oportunidades e estava dividida entre as áreas de suporte técnico-administrativo e segurança institucional. Para concorrer a este emprego o candidato precisou ter ensino médio completo.

Destinado a profissionais de nível superior, o cargo de analista (400) estava distribuído em seis áreas de conhecimentos: análise e desenvolvimento de sistemas, suporte à infraestrutura de tecnologia da informação, política econômica e monetária, contabilidade e finanças, infraestrutura e logística, e gestão e análise processual.

O processo seletivo constou de prova objetiva, teste discursivo e análise de títulos – este último apenas para analista. Depois, houve um programa de capacitação para os candidatos aprovados.

Para este concurso, os profissionais foram lotados em Brasília (DF), Belém (PA), São Paulo (SP), Salvador (BA) e Porto Alegre (RS).

SELEÇÃO ANTERIOR PARA PROCURADOR DO BACEN

O Banco Central publicou em agosto de 2013 um edital com 15 oportunidades para a função de procurador. Do total de ofertas, 14 foram para Brasília e uma para Belém.

Também sob a organização do Cespe/UnB, o processo seletivo avaliou os concursandos por meio de teste objetivo, inscrição definitiva, provas discursivas, exame oral e análise de títulos.


PREPARE-SE PARA ESTE E OUTROS CONCURSOS


segunda-feira, 21 de novembro de 2016

PM-DF abre concurso com salários de até R$ 11,8 mil

Image title

A Polícia Militar do Distrito Federal lançou na última sexta-feira (18) edital para 200 vagas para o curso de formação de oficiais da corporação. São 50 vagas imediatas e 150 para cadastro de reserva, todas exigindo nível superior. Os salários vão de R$ 5.202,59 a R$ 11.894,25. Leia aqui o edital.

As inscrições custam R$ 88, abrem no dia 18 de dezembro e vão até 8 de fevereiro. De acordo com o edital, as provas estão previstas para 12 de março de 2017. São ao todo 45 vagas imediatas para homens e 5 vagas para mulheres.

Pelas regras, não podem participar candidato que tiver altura menor que 1,65 m e candidata que tiver menos que 1,60 m.

O concurso tem sete etapas previstas: prova eliminatória objetiva, prova discursiva, teste de aptidão física, exames biométricos, avaliação psicológica, investigação da vida do candidato e prova de títulos. O processo tem validade de dois anos.

Fonte: Com informações do G1

sexta-feira, 28 de outubro de 2016

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DF - EDITAL PUBLICADO

EDITAL PUBLICADO!!!!!



DAS INSCRIÇÕES NO CONCURSO PÚBLICO 

TAXAS: 
a) Professor de Educação Básica - 20 horas: R$ 55,00;
b) Professor de Educação Básica - 40 horas: R$ 90,00; 
c) Analista de Gestão Educacional: R$ 85,00; 
d) Técnico de Gestão Educacional: R$ 55,00; 
e) Monitor de Gestão Educacional: R$ 50,00. 

Será admitida a inscrição somente via internet, no endereço eletrônico http://www. cespe.unb.br/concursos/see_16_df, solicitada no período entre 10 horas do dia 2 de dezembro de 2016 e 18 horas do dia 23 de dezembro de 2016, observado o horário oficial de Brasília/DF.

PROVAS
As provas objetivas e a prova discursiva para os cargos de Professor de Educação Básica, exceto para o Cargo 2: Professor de Educação Básica - Área de Atuação: Atividades, terão a duração de 4 horas e 30 minutos e serão aplicadas na data provável de 22 de janeiro de 2017, no turno da tarde

As provas objetivas e a prova discursiva, somente para o Cargo 2: Professor de Educação Básica - Área de Atuação: Atividades, terão a duração de 4 horas e 30 minutos e serão aplicadas na data provável de 22 de janeiro de 2017, no turno da manhã

As provas objetivas e a prova discursiva para os cargos de Analista de Gestão Educacional terão a duração de 4 horas e 30 minutos e serão aplicadas na data provável de 29 de janeiro de 2017, no turno da manhã

As provas objetivas para todos os cargos de Técnico de Gestão Educacional terão a duração de 3 horas e 30 minutos e serão aplicadas na data provável de 29 de janeiro de 2017, no turno da tarde

As provas objetivas para o cargo de Monitor de Gestão Educacional terão a duração de 3 horas e 30 minutos e serão aplicadas na data provável de 29 de janeiro de 2017, no turno da manhã




Ligue: (61) 4101-8475
ou fale conosco pelo Whatsapp +55 61 98256-2495



PREPARAMOS UMA CONDIÇÃO AINDA MAIS 
ESPECIAL PARA VOCÊ!


Receita Federal: novo concurso com 400 vagas em 2017

Divulgação
Boa notícia para quem aguarda o concurso da Receita Federal do Brasil (RFB)! Nos adendos do Projeto de Lei Orçamentária Federal de 2017 consta a realização de um certame para o preenchimento de 400 vagas.
Apesar de o número ser bem inferior ao solicitado ao MPOG (Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão), antes era de 1.000 vagas para analista tributário e auditor, este é um grande indício de que o próximo ano sairá o processo seletivo.
O Orçamento apresenta que as chances serão para os cargos de assistente-técnico administrativo, analista administrativo, auditor-fiscal e analista-tributário. O documento não mostra a quantidade de ofertas por carreira.
Agora, a proposta será avaliada pelo Congresso Nacional até o final do ano e logo após passará pela sanção presidencial. Depois disso, o MPOG terá permissão para conceder a autorização para o concurso da Receita Federal.
Saiba mais sobre os cargos do concurso da Receita Federal
As funções de assistente e analista administrativos pertencem ao quadro de pessoal do Ministério da Fazenda (MF). Ou seja, o MF realiza o concurso e depois redireciona as vagas para o seu próprio quadro e para o da RFB.
Para concorrer ao emprego de assistente será necessário ter completado o ensino médio em escola credenciada pelo Ministério da Educação. A remuneração inicial corresponde ao valor de R$ 3.756,82, contando com o auxílio-alimentação de R$ 458.
Os postos de analista administrativo, analista tributário e auditor se destinarão aos profissionais com nível superior em diversas áreas. Os salários correspondem a R$ 4.969,02, R$ 9.714,42 e R$ 16.201,64, respectivamente, já incluindo o benefício alimentação.
Vale ressaltar que as oportunidades do concurso da Receita Federal deverão ser distribuídas em diversos Estados, inclusive São Paulo. O Estado paulista ainda teve ter a maioria dos cargos administrativos por não ter sido contemplado na última seleção.
Aumento salário na Receita Federal
Está em trâmite na Câmara dos Deputados o projeto de lei (PL) 5.864/2016 que prevê reajuste salarial para auditor-fiscal e analista-tributário de maneira escalonada até 2019. Logo que o projeto for sancionado, os valores já irão de imediato para R$ 10.623,92 analista e R$ 18.754,20 auditor.
No caso do analista, com os próximos aumentos, os iniciais irão para: R$ 11.132,21 em 2017; R$ 11.639,24 em 2018; e R$ 12.142,39 em 2019. Para auditor, os reajustes ocorrerão na seguinte se-quência entre 2017 e 2019: R$ 19.669,01; R$ 20.581,53; e R$ 21.487,09.
Defasagem de pessoal na Receita Federal
Levantamento de abril do Ministério do Planejamento aponta que a Receita Federal tem mais postos em aberto do que preenchidos. O quadro do órgão constitui-se de 37.128 vagas, entretanto, somente 17.339 estão ocupados.
A situação pior é com relação ao cargo de analista-tributário, já que dos 16.679 postos, apenas 7.104 estão preenchidos. No caso da posição de auditor-fiscal há 10.214 chances vagas de um total de 20.449 oportunidades.
O vice-presidente do Sindicato Nacional dos Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil (Sindireceita), Geraldo Seixas, disse que é importante a recomposição dos quadros RFB, principalmente para a função de analista. Seixas comentou que “há uma defesa feita pela administração pela realização de concurso para analista”.
Pedro Delarue, auditor-fiscal da Receita Federal e ex-presidente do Sindifisco Nacional (Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil), afirmou que a grande carência de pessoal da Receita Federal, atualmente, também está relacionada às carreiras de apoio, que requerem ensino médio completo. Os servidores que exercem tais funções pertencem diretamente ao quadro do Ministério da Fazenda, que depois os redistribui para as unidades da RFB.
Fonte: JC Concursos

 
ASSCCON DO BRASIL Sobradinho on MisterWhat